CLP – CLP participa de evento em Oxford sobre Gestão Pública
Notícias

CLP participa de evento em Oxford sobre Gestão Pública

07/12/2018 -

Na última semana de novembro, o CLP participou de um encontro de autoridades políticas e especialistas para discutir melhorias na gestão pública do Brasil. O evento que ocorreu na Universidade de Oxford faz parte do Brasil Rising, organizado pela Fundação Lemann e pela Brava - organizações parceiras do CLP. O destaque foi a discussão sobre gestão de pessoas a partir de experiências internacionais.

 

Diversos grupos que reúnem entes da sociedade civil buscam discutir e propor soluções para os desafios do Brasil. Um desses caminhos é a estratégia de recursos humanos no setor público. Segundo a OCDE (2010), o foco em gestão de pessoas deve ser uma prioridade no país, para que as políticas públicas sejam coordenadas e implementadas por indivíduos capacitados, competentes e com conhecimento técnico necessário para ocupar posições cruciais na máquina pública. Dessa forma, os governos podem entregar melhores serviços e de maior qualidade à população.

 

Pensando nisso, na última semana de novembro, um conjunto de políticos (governadores, deputados, senadores), representantes do governos federal, membros de organizações do terceiro setor e especialistas em gestão pública se reuniram, na Universidade de Oxford, para debater as questões de gestão de pessoas no país. O encontro faz parte da agenda do Brasil Rising, organizado pela Fundação Lemann e pela Brava - organizações parceiras do CLP.

 

Representantes do Chile, Reino Unido e Austrália participaram do evento e são exemplos de países que se esforçaram para atrair e selecionar os melhores quadros para as funções governamentais.

 

Luana Tavares, diretora-executiva do CLP, esteve presente neste ciclo de debates que durou 3 dias de pautas com objetivo de pensar uma nova gestão pública no país, com destaque para o debate sobre Gestão de Pessoas no Setor Público. “Temos mais de 12 milhões de servidores públicos no Brasil e um gigantesco desafio relacionado a melhorar o cenário para que boas lideranças prosperem, em um setor público com um ambiente pouco receptivo e pouco incentivador para bons profissionais. Este cenário tem que mudar, e isso passa pela discussão das mudanças necessárias relacionadas à gestão de pessoas no setor público. O CLP levantará esta bandeira em conjunto com a sociedade civil, e está, neste momento, realizando um amplo diagnóstico para trabalhar nesta causa nos próximos anos”, comentou Luana.

 

Em 2017, o crescimento com despesas do funcionalismo cresceu quase 10% para os cofres públicos, sem uma contrapartida clara de avaliação e resultados efetivos para a sociedade.O tema de Gestão de Pessoas faz parte da agenda prioritária de causas do CLP - defendemos  que um Estado melhor não possui apenas uma força de trabalho qualificada, mas bons profissionais entregando melhores resultados para a população brasileira.


Saiba mais sobre a agenda de mobilização do CLP